Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

UM PAR DE BOTAS

UM PAR DE BOTAS

ALVÃO: LAMAS DE ÔLO - FISGAS DO ERMEO

Começamos a caminhar por volta das 11h junto à aldeia de LAMAS DE ÔLO, distrito de Vila Real. Estava um dia bom para caminhar: sol, um pouco de vento e não muito calor.

Fomos em direcção ao ponto mais alto da SERRA DO ALVAO: Caravelas. Um curto descanso e seguimos para a lagoa que fica junto à "barragem do Alvão". Como o calor já começava a apertar, fomos almoçar para a "floresta" de "Plana dos Mijaceiros". Após uma pequena guerra de pinhas, seguimos em direcção a "Outeiro da Águia". Sempre com o "farol" a iluminarmos - monte da Senhora da Graça, descemos para a aldeira do Barreiro e Varzigueto. O nosso objectivo neste momento era um bom e refrescante banho nas FISGAS DO ERMELO. Se a paisagem aqui é 5 estrelas o banho não ficou a trás. Estivemos cerca de uma hora dentro de água. Com o calor que se sentia, e a água "temperada" foi a cereja em cima do bolo. Vale a pena repetir!

Com o andar da hora lá tivemos que seguir para o ponto de partida/fim: LAMAS DE ÔLO. Um pulinho!

 

 

Foi mais uma caminhada do UM PAR DE BOTAS (UPB) na SERRA DO ALVÃO onde esperámos lá voltar brevemente.

 

 

Caminheiros participantes: dique, mamute, riacho, pé grande, truta, arga, côxo, polaina, nogueira, medronho, sherpa-lhamu e sherpa.

 

 

 

NOTA: parabéns especiais aos guias UPB: nogueira, sherpa, sherpa-lhamu. Estes 3 caminheiros realizaram 3 caminhadas em 3 dias :) Bom treino para os PIRINEUS!

publicado às 10:43

CAMINHOS DE S.TIAGO DE COMPOSTELA

Na segunda dia 24, três animados pares de botas fizeram-se ao Caminho como Santiago aos mouros. Depois de uma divertida pernoita a bordo do navio hospital Gil Eanes, fundeado em Viana e convertido em museu e albergue, o comboio levou-nos em pouco tempo a Redondela. Botas em terra galega, começava a aventura pedestre que durante quatro dias nos fez calcorrear o camino português que leva os romeiros ao Santo. O primeiro foi muito duro, com o sol a assar os peregrinos nos troços de estrada...... mas assadas também estavam as belas sardinhas de Dona Isabel, aportada aos doze anos em Pontevedra, vinda de Bragança, onde arranjou um marinheiro de muitas qualidades. Assim, em festa, com fogueira, Albariño e pimentos, mas de Padron, se passou o S. João galego. E para não variar, assamos durante as curtíssimas horas de sono no albergue cheio.....como sardinha em lata! E em Padron pernoitariamos duas noites depois, depois de mais dois dias de camino, uma noite muito bem passada em Briallos, junto a Caldas de Reys. Já então estavamos acostumados ao encontro, no final da jornada, com um simpático grupo de estudantes portugueses de Aveiro. Acompanhados da sua jovem professora, rumaram de Tui a Santiago no final do seu 9º ano. Caminheiros para muitas aventuras, se a vontade persistir! Esperemos que apareçam pelo UPB!
Entre bosques, aldeias e estradas, a cruz do esforçado peregrino, que bem procurava algum conforto numa caña gelada, nem sempre com sucesso, que os tascos são escassos, lá chegamos ao destino. Quinta feira pelas quatro da tarde, cerca de noventa quilómetros percorridos, a bandeira do UPB desfraldou orgulhosamente na Praza do Obradoiro, em frente à majestosa fachada barroca da Catedral. O resto foi mais vagabundagem, Riberos, Albariños, e uns petisquitos galegos. Que nem só do espírito vive o homem....
De volta a casa já se sentiam as saudades de uma semana de suor, bolhas e muita camaradagem. A nossa caloira estreou-se nas caminhadas a
moer mais de vinte quilómetros por dia. Se o Santo não estiver distraído, já ganhou o céu. E o direito a muitas cañas na terra!
 


Participantes: Almocreve, Côxo e Caña (baptizada à revelia)

 

 

 

Texto e FOTOS da autoria do Côxo

 

publicado às 08:48

ANDARILHUS

Muitos, muitos, muitos parabénssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss

 

Montanhas e COLINAs de FELICIDADE :)

 

 

TUDO DE BOM,

 

 

Grande abraço,

 

 

 

medronho

p.s.: volta.....rápido!!!

publicado às 00:05

Mais sobre mim

imagem de perfil

AGENDA MENSAL

JANEIRO

6 SANTO TIRSO

20 SERRA DA CABREIRA

27-28 SERRA DA ESTRELA

FEVEREIRO

3 SERRA D'ARGA

10 CARNAVAL UPB

17 SERRA DO GERÊS

24 CAMINHA

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2004
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D

Mensagens

subscrever feeds

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.